Malandro se passa por PM para não pagar conta em bares de Guarapari

Um homem foi preso duas vezes neste domingo aplicando golpes na cidade. Ele chegou nos estabelecimentos, comeu e bebeu e depois tentou sair sem pagar. Como a Lei é branda para casos assim, ele não ficou preso nem mesmo um dia.

A primeira prisão aconteceu por volta das 4 horas desta madrugada, quando Fabiano Magno Bispo foi detido por passar uma noite em uma casa noturna na Ilha das Gaivotas e não ter dinheiro para pagar a conta. Ele chegou a dizer que era sargento da PM para tentar se livrar da dívida, mas a PM foi acionada e ele foi levado para a delegacia.

Pouco depois de ser solto, já na manhã deste domingo, ele foi até um quiosque na Praia do Morro e começou a beber e comer. ele até fez amizade com um grupo que também estava no local e passou a pedir cerveja para eles.

Em determinado momento a dona do quiosque, já preocupada com o tamanho da conta, pediu que ele pagasse. Ele tentou fugir pela praia, mas foi detido pela comerciante e outros vendedores que ficam nas redondezas. Novamente conduzido para a delegacia, dessa vez ele estava mais agitado e começou a bater o cadeado contra a grade da cela e a tumultuar. Os policiais precisaram jogar gás de pimenta para tentar fazer ele ficar quieto, mas a baderna continuou.

Por se tratar de crimes com baixo potencial ofensivo (pelo menos para o código penal) nos dois casos ele assinou um termo circunstanciado e vai responder em liberdade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.