Guerra de famílias: Jovem cigano é assassinado em Guarapari

Um jovem de 21 anos de origem cigana foi morto a tiros na madrugada desta sexta-feira (22) na frente da família. A vítima chegou a entrar em luta corporal com o executor, mas acabou sendo baleado na cabeça e morrendo.

Por volta da 01 hora desta sexta-feira, pelo menos quatro pessoas chegaram à casa da vítima e duas delas pularam o muro e ganharam acesso aos aposentos da casa. Alguns moradores da casa foram rendidos e os assassinos foram até o quarto onde Diego Malaquias das Silva dormia com a esposa e a filha de quatro anos.

Ao perceber a situação, Diego tentou se defender, entrando em luta corporal com um dos assassinos, mas acabou sendo baleado na cabeça e morrendo. A criança ficou coberta de sangue e foi levada para o pronto socorro, pois os parentes pensaram que ela havia sido atingida, mas foi constatado que ela não sofreu nenhuma lesão física.

A família da vítima acredita que a morte se deve a uma antiga guerra entre famílias ciganas que já dura anos. Na tarde de hoje familiares prestaram depoimentos na Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP). O caso está sendo investigado mas a polícia não divulgou se há suspeitos do caso.

2 thoughts on “Guerra de famílias: Jovem cigano é assassinado em Guarapari

  • 23 de março de 2019 em 15:42
    Permalink

    Mais um crime que ficará em pune.

    Resposta
  • 25 de março de 2019 em 01:06
    Permalink

    De acordo com familiares, ele e o terceiro integrante da familia a morrer em decorrencia de uma guerra entre ciganos. Segundo eles, os assassinos “prometeram” matar cada um dos parentes

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.