“Estelionato Amoroso” foi um crime supostamente praticado por um arquiteto em Guarapari

Um homem de 27 anos que é acusado de aplicar golpes em todo Estado e em Minas Gerais, foi localizado em uma residência na Praia do Morro em Guarapari, onde trabalhava como arquiteto. De acordo com a Delegada Nicolle Castro, da Delegacia Especializada de Crimes e Defraudações e Falsificações (DEFA) , a prática conhecida como “estelionato amoroso” é formada pelo envolvimento romântico da vítima com a finalidade única de enganá-la e obter vantagens econômicas.

A investigação se deu devido a um mandato de prisão em aberto, expedito pela 2ª Vara Criminal de São João Del Rey, em Minas Gerais. Com um trabalho de investigação em conjunto com o Serviço de Inteligência da Sesp (Serviço de Segurança Pública e Defesa Social) com a Supic (Superintendência de Polícia Interestadual e Capturas) o homem de 27 anos foi detido e com ele foi apreendido um cartão em nome de uma das vítimas, relacionado a uma conta bancária da mesma. Outras vítimas ainda serão ouvidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *