Escolas particulares de Guarapari estão funcionando desrespeitando o decreto

Nossa equipe flagrou na tarde desta quinta-feira duas escolas particulares funcionando normalmente, mesmo com o impedimento do decreto estadual. As duas instituições recebem crianças pequenas que serão as últimas a retornarem as atividades normais.

O que está permitido é o atendimento individualizado, o que não estava acontecendo nestas escolas, as duas recebiam várias crianças ao mesmo tempo, no tradicional horário de entrada, inclusive os menores estavam uniformizados. Vale destacar que o atendimento individualizado deve ser agendado.

A prefeitura promete intensificar a fiscalização e garante que o retorno não está permitido em nenhuma escola, seja particular ou pública, devido ao mapa de risco, Guarapari está no nível alto, por isso não é permitido receber alunos.

Entramos em contato com o SINPRO ES ( Sindicato dos Professores no Estado do Espírito Santo), a diretora Paula Costa esclareceu que o sindicato já recebeu denúncias sobre o funcionamento ilegal e que encaminhou a demanda a vigilância sanitária de Guarapari.