Traficante que matou por causa de fake news é preso em Guarapari

Um caso que chamou a atenção dos moradores em Guarapari no mês de abril começa a ser desvendado pela polícia de Guarapari com a prisão de um homem na manhã de hoje pela PM. O caso em questão é do desaparecimento de Luiz Gabriel do Nascimento em 15 de abril deste ano.

Na época testemunhas contaram para a polícia que a vítima havia sido arrastada de dentro de casa à noite por traficantes do bairro Concha D’ostra e desapareceu depois que uma falsa acusação de abuso sexual foi postada nas redes sociais. Relembre o caso aqui.

Na manhã de hoje a Polícia Militar prendeu Mauro Sérgio Freires, 38 anos. Ele estava com um mandado de prisão em aberto por tráfico de drogas e vai ser indiciado ainda hoje pelo desaparecimento de Luiz Gabriel.

“Nós já estávamos cientes do mandado de prisão contra o Mauro Sérgio, pois ele é um traficante conhecido e temido pelos moradores da área onde ele atua, e na manhã de hoje recebemos a informação de que ele estava circulando na região de Kubitschek. Fizemos um cerco tático e conseguimos prendê-lo já na Rodovia Jones dos Santos Neves”, explicou a tenente Clícia, comandante da 1ª Companhia do 10º Batalhão da PM (Guarapari).

O titular da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Delegado Franco Malini explicou que o inquérito que aponta Mauro Sérgio como um dos autores do homicídio e ocultação do corpo de Luiz Gabriel foi finalizado esta semana e será pedida a prisão dele também por estes crimes.

“O inquérito está pronto e já estávamos pedindo a prisão dele por participação ativa na morte de Luiz Gabriel. Mauro Sérgio foi um dos homens que invadiram a casa da vítima e desapareceram com o corpo dela depois de matar. A mãe e a esposa da vítima hoje se encontram em um abrigo pois não puderam voltar para o bairro depois de prestarem queixa sobre o desaparecimento do rapaz. Só voltaram no bairro uma vez para pegar alguns pertences e ainda assim com escolta policial”, explicou o delegado.

Ainda de acordo com Malini, Mauro Sérgio ainda é suspeito de outro homicídio, quando matou um homem dentro de uma mercearia no Bairro Concha D’Ostra.

“Temos várias testemunhas indiretas que afirmam que ele foi o autor dos disparos e com a prisão dele, acreditamos que outras testemunhas aparecerão, já que a população tem receio de testemunhar com ele à solta. Ele é uma figura temida na região onde atua como traficante”, disse.

O delegado pede que quem tiver informações sobre os crimes cometidos pelo detido entre em contato através do Disque Denúncia 181 ou pelo perfil da delegacia no Facebook. Basta procurar por DHPP Guarapari e mandar mensagens nas conversas privadas. O sigilo é absoluto.

Link para a matéria:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.