Criança de doze anos atira no pescoço de outra da mesma idade em Guarapari

Uma criança de 12 anos atirou acidentalmente no pescoço de outra no bairro Adalberto simão Nader, em Guarapari, na tarde desta sexta-feira.Logo depois do ocorrido, familiares tentaram despistar a polícia dizendo que um carro preto teria passado e atirado no mesmo, mas agentes da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) encontraram o projétil que atingiu a criança dentro de um cômodo da casa. Não há informações sobre o estado de saúde da criança baleada.

Por volta das 16 horas a DHPP recebeu a informação de que uma criança teria sido baleada no bairro Adalberto e seguiram para o local. chegando lá já haviam várias viaturas da PM que auxiliaram no desenrolar da ocorrência.

“Nós achamos estranho a informação que nos deram de que um carro teria passado e atirado, pois não vimos marcas de tiros nas paredes e muito menos sangue da criança atingida. Passamos a olhar nos cômodos da casa e finalmente encontramos o projétil que atingiu o menino. Ele ricocheteou na parede e ficou alojada em uma porta. Conseguimos recuperar com uma faca e finalmente os familiares contaram a versão verdadeira dos fatos”, explicou o delegado chefe da DHPP, Franco Malini.

De acordo com ele as crianças estavam brincando com a arma, um revólver calibre 38. “Eles encontraram a arma em um dos quartos e estavam mexendo nela. Em determinado momento um deles puxou o gatilho e acabou atingindo o pescoço do outro. Os familiares contaram a outra versão para não prejudicar os moradores da casa”, disse Malini.

Depois de algumas buscas no entorno da residência onde ocorreu o fato, a arma foi encontrada com mais 13 munições intactas. O pai e a criança que puxou o gatilho foram encaminhados para a delegacia para prestar esclarecimentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.