Suspeito é liberado após ameaçar ex e volta a ser preso 2h depois pelo mesmo crime no ES

Um vendedor de 26 anos foi preso duas vezes em menos de duas horas por agredir e ameaçar a ex, na Serra, Espírito Santo. De acordo com a vítima, o agressor não aceita o fim do relacionamento dos dois, que durou um ano e oito meses.

Em depoimento, a mulher, que não será identificada, contou que já havia sido agredida por Paulo César Surlo Junior outras vezes. Na manhã desta terça-feira (17), o ex-companheiro a agrediu e ameaçou novamente. Ela, então, procurou a Delegacia da Mulher da Serra e registrou um boletim de ocorrência.

A mulher seguiu para o trabalho, mas, por volta das 14 horas, o vendedor voltou a procurá-la e a fazer ameaças. A mulher acionou o 190 e Paulo César foi preso e conduzido à Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher.

Um pedido de medida foi feito pela vítima. No entanto, como ela não queria que o ex-companheiro ficasse preso, acabou não representando contra ele. Paulo César foi solto por volta das 4 horas desta quarta-feira (18), mas não demorou muito a procurar a vendedora novamente.

Ao sair da delegacia, ele foi até a residência onde os dois moravam em André Carlone, na Serra. O homem pulou o muro, arrombou a porta e voltou a ameaçar a ex-companheira, descumprindo a medida protetiva que determinava seu afastamento. A polícia precisou ser novamente acionada e o agressor foi reconduzido à delegacia.

A Polícia Civil já foi procurada pelo G1 para informar se Paulo César Surlo Junior permanecerá preso ou não, mas ainda não deu retorno.

Fonte: G1ES

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.