Chuva causa estragos em Iconha; cidade foi uma das mais impactadas pelas chuvas no início do ano

A chuva forte que atinge o Espírito Santo desde a noite da última quinta-feira (30) causou estragos e prejuízos em Iconha, no Sul do Estado.  De acordo com a Defesa Civil Estadual, houve registro de queda de barreiras e alagamentos em ruas e casas do Centro da cidade.

Na manhã desta sexta-feira (31) várias residências ainda estavam inundadas. Moradores contaram que a água invadiu as casas muito rápido e que todos ficaram desesperados.

Uma transportadora do município também foi afetada pelo temporal, já que um deslizamento de terra atingiu o alojamento da empresa e deixou uma pessoa ferida.

Apesar dos problemas, a cidade não estava entre os municípios que registraram maiores acumulados de chuva nas últimas 24 horas. Segundo a Defesa Civil, Rio Novo do Sul, foi onde o temporal foi mais forte, registrando 196mm de chuva. 

Unidades de saúde fechadas

Em comunicado oficial, a prefeitura de Iconha informou que as Unidades de Saúde de Bom Destino, Duas Barras, Tocaia e Ilha do Coco tiveram atendimento suspenso nesta sexta-feira (31), pois muitos profissionais de saúde não conseguiram sair de suas casas ou acessar as unidades devido aos pontos de alagamentos.

Segundo a prefeitura, assim que a situação for normalizada, a Secretaria de Saúde, pelas mídias oficiais da Prefeitura, comunicará o restabelecimento do atendimento.

A prefeitura informou ainda que em caso de alerta máximo, os sinos da Igreja soarão como um chamado, para que as pessoas se protejam

Início do ano triste

Chuva em Iconha em janeiro deixou um rastro de destruição

Em janeiro deste ano, milhares de pessoas ficaram desabrigadas por conta de fortes chuvas, principalmente no Sul do Estado. 

Em Iconha, a chuva começou no dia 17 de janeiro e provocou uma enxurrada nunca antes vista no município. Casas, comércios, hospitais, prédios, pontes e empresas, de praticamente todos os bairros da cidade, foram afetados de alguma forma. O prejuízo na época foi de mais de 170 milhões. Quatro pessoas morreram na cidade por conta do temporal.