Novo cadastro para 848 mil pedirem o auxílio de até R$ 1.200 no ES

Quem teve pedido do auxílio emergencial de até R$ 1.200 negado pode ganhar uma nova chance. A Dataprev lançou um site específico (https://consultaauxilio.dataprev.gov.br/consulta/#/), por meio do qual cerca de 848.770 trabalhadores do Espírito Santo poderão contestar a resposta do governo.

No Brasil, mais de 108,9 milhões de cadastros já foram processados pela Caixa, segundo o Ministério da Cidadania, órgão gestor do auxílio emergencial.

Para contestar o benefício por meio do site da Dataprev, basta informar alguns dados que foram cadastrados ao solicitar a ajuda, isto é, número de CPF, data de nascimento, nome completo e nome da mãe.

Na tela onde consta a mensagem sobre a situação do auxílio, haverá a opção “contestar análise”. Ela aparecerá abaixo da informação do critério de não aprovação, isto é, o motivo pelo qual o benefício foi negado.

A plataforma é voltada, principalmente, para pessoas cujo cadastro não estava devidamente atualizado durante a análise inicial e que, por este motivo, tiveram a ajuda negada.

É o caso de cidadãos que eram menores de idade e que completaram 18 anos; que já foram servidores públicos ou militares, mas já não tem vínculo com o poder público; ou pessoas que perderam o emprego e não têm direito a auxílio-desemprego ou não recebem o Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda.

Além dessa opção, já estavam disponíveis o site da Caixa Econômica Federal, o aplicativo Caixa – Auxílio Emergencial, e a solicitação via Defensoria Pública da União (DPU).

Quem já fez a contestação anteriormente e ainda não teve resposta não precisa realizar nova solicitação. A Dataprev já está processando as contestações feitas por meio das plataformas digitais da Caixa com dados mais atualizados.

Novas contestações podem ser feitas em qualquer um dos canais. O pedido voltará para a análise, e a resposta será informada por meio das plataformas da Caixa e no site da Dataprev.