Menino morre após usar celular carregando; veja como se proteger

Menino morre após usar celular carregando; veja como se proteger

Um menino de 11 anos morreu depois de tomar um choque elétrico enquanto mexia no celular que estava ligado na tomada. O acidente aconteceu esta semana no Pará. Para evitar que problemas como esse aconteçam, o gestor da EDP, Vilmar Abreu, dá dicas de prevenção no uso de celulares e outros equipamentos ligados na tomada.

Em entrevista ao Bom Dia Espírito Santo, da TV Gazeta, Abreu afirmou que os acidentes são mais comuns do que se imagina e citou o anuário de 2019 da Associação Brasileira de Conscientização dos Riscos e Perigos da Eletricidade. De acordo com o anuário, ocorreram 19 acidentes com o uso do celular no Brasil. Destes 19, foram 15 mortes. “Dá mais de uma morte por mês, o que é muito relevante”, disse.

Diante disso, o representante da concessionária deu dicas de como manusear o celular e adaptadores em situações de risco:

  1. Nunca utilizar o celular enquanto ele estiver carregando“Tem um risco muito grande de acontecer um curto-circuito e você tomar um choque elétrico. E não usar, inclusive, com o fone de ouvido, o que torna a situação pior, porque a eletricidade pode passar pelo fio e atingir o corpo humano”, reforça. 
  2. Desligar todos os equipamentos eletrônicos durante tempestades“As tempestades e descargas atmosféricas podem potencializar o acidente. A EDP recomenda que, nesses casos, se retirem todos os equipamentos eletrônicos da tomada. Fazendo isso, não tem o por que ficar com o celular conectado e usando”, diz. 
  3. Evitar o carregamento e uso de aparelhos próximo da água”Tomadas têm que estar distante de pia e de torneira.”
  4. Uso de carregadores portáteis desde que não estejam na tomada”O ‘PowerBank’ é uma opção, desde que não esteja ligado na tomada. Se ele está carregado, você liga no celular e pode usar normal, porque é corrente contínua e não tem risco de choque elétrico”, afirma.
  5. Não usar adaptadores “T” e extensões com muitos equipamentos ao mesmo tempo”Eles podem causar sobrecarga, curto-circuito e choque elétrico, que, em alguns casos, podem causar danos, como queimaduras, deixar sequelas e até a morte”, destaca.
  6. Usar a extensão sempre com o cabo desembolado”Ela foi feito para uma certa condição. Você pode ter três equipamentos ao mesmo tempo, mas de baixa potência. Pois, se colocar muitos equipamentos juntos, pode causar sobrecarga ou curto-circuito”, alerta. 
  7. Retirar a tomada sempre pela estrutura de encaixe e não pelo fio”Importante também é, ao colocar na tomada, nunca puxar pelo fio. Sempre retirar pela tomada”, orienta.                                  
  8. Evitar manuseio com mãos, pés ou partes do corpo molhadas”É bom sempre observar se está com a mão molhada, com o pé molhado, está dentro da água, isso tudo vai potencializar o risco de acidente.”

Além disso, os usuários devem estar sempre atentos à origem dos equipamentos, segundo Abreu. “É ideal que os acessórios do celular sejam certificados, homologados e tenham o selo da Anatel”, disse.

Es em Foco