Pescador captura Pirarucu de 40kg no Rio Itapemirim

Pescador captura Pirarucu de 40kg no Rio Itapemirim

O pescador Janiel Martins, 43 anos, pegou na manhã de hoje um peixe que chama a atenção pelo tamanho, em pleno Rio Itapemirim, na região central de Cachoeiro, próximo ao bairro Baiminas. Trata-se de um grande Pirarucu, peixe que não é nativo do Itapemirim.

O momento da captura do peixe foi flagrado em vídeo. Também foram tiradas fotografias do pescador com o imenso “troféu”, já fora d’água, na rua 25 de Março, próximo à Casa do Estudante.

O peixe, segundo o próprio pescador afirma em vídeo, pesa aproximadamente 50 quilos e foi capturado no anzol. Ele precisou da ajuda de outros pecadores para conseguir retirar o espécime, de mais de 1,5 metro, do rio.

Especula-se que o pirarucu seja oriundo de algum tanque que se rompeu ou transbordou durante as chuvas da noite de sábado.



É um peixe que é encontrado geralmente na bacia Amazônica, mais especificamente nas áreas de várzea, onde as águas são mais calmas. Costuma viver em lagos e rios de águas claras e ligeiramente alcalinas com temperaturas que variam de 24 a 37 °C, não sendo encontrado em zona de fortes correntezas e águas ricas em sedimentos.

É conhecido também como o bacalhau da Amazônia. Seu nome se originou de dois termos tupis: pirá, “peixe” e urucum, “vermelho”, devido à cor de sua cauda.

Es em Foco