Denúncias de fura-filas da vacina contra covid-19 envolvem prefeitos e vereadores do ES

Prefeitos, prefeitas e vereadores são citados como fura-filas da vacina contra a covid-19. A revelação está no relatório da Ouvidoria da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), que apresentou os números das ocorrências de irregularidades relacionadas à campanha de imunização iniciada em janeiro deste ano na tarde desta quarta-feira (14). 

O levantamento da Sesa aponta 128 denúncias feitas pela população que englobam pessoas que não respeitaram a ordem de recebimento das doses dos imunizantes, segundo o Plano Nacional de Imunização. “Temos denúncias de prefeitos, prefeitas e de vereadores, além de funcionários de prefeituras que não eram da área da Saúde”, aponta Rafael Caliari, ouvidor da Sesa.

O documento também menciona ocorrências de desvio de vacina por agente público, extravio de doses, falsa aplicação de dose e venda de vacina.

Os casos estão sendo investigados e foram comunicados às prefeituras e ao Ministério Público. Por estarem em análise, a Sesa não divulgará, neste momento, nomes de envolvidos. 

“Os dados da materialidade dessas denúncias precisam ser apurados. Por isso, que neste momento não haverá divulgação de nomes para que os gestores citados tenham resguardado a ampla possibilidade de defesa e também para que ninguém utilize o canal da Ouvidoria como instrumento de politicagem”, explica Caliari.

O Ministério Público do Espírito Santo (MP-ES) foi procurado para confirmar o recebimento das denúncias e se haverá, de sua parte, investigação. Quando a resposta for enviada, a matéria será atualizada.