Menino leva choque ao encostar em fio de energia solto em calçada

Um menino de oito anos levou um choque após encostar em um fio eletrificado caído em uma calçada nesta quinta-feira (3) em Vila Nova de Colares, na Serra, na Grande Vitória. A criança teve queimaduras de terceiro grau e está internada no Hospital Infantil de Vitória.

O pai do menino, Aldezino de Oliveira Braz, disse que o filho, Arthur Bernardo, teria saído de casa para brincar na rua com amigos.

“Cinco minutos depois que saiu de casa, meu filho sentou na calçada e colocou a mão em cima do fio que estava descascado no chão. Ele chegou a ficar agarrado no fio. Foi um coleguinha que brincava com meu filho que puxou o fio para afastá-lo de Arthur”, contou o pai do menino.

Arthur teve que ser levado ao hospital, pois apresentava arritmia cardíaca devido à carga elétrica e também queimaduras graves nas mãos. Na tarde desta sexta-feira (4), a criança passa por uma cirurgia.

“Vemos muitos fios de telefone pela rua, mas nunca iria imaginar que teria energizado”, contou o pai.

Por meio de nota, a concessionária EDP informou que o cabo não pertence à companhia e que trata-se de uma fiação clandestina ligada à rede. Mesmo assim, logo que foi comunicada do acidente, uma equipe da EDP foi ao local e isolou a fiação, eliminando riscos.

A EDP reforçou que a população nunca deve se aproximar de fios caídos. Além disso, alerta que o furto de energia pode provocar sobrecarga na rede elétrica com prejuízo para a população, que sofre com acidentes e interrupção do fornecimento do sistema para suas residências e vias públicas.

Idosa morta

No mês passado, o choque em um fio de alta tensão matou uma idosa de 65 anos na Rua Amazonas, na Ponta da Fruta, em Vila Velha, também na Grande Vitória.

A vítima, Nair Magioni, teria saído de casa para ir ao mercado e parou na horta comunitária do bairro. O fio energizado estava caído na rua quando a idosa encostou nele.

Informações: G1