Homem é morto com golpes de garrafa

Um homem de 21 anos morreu após ser atingido com golpes de garrafa em Praia de Carapebus, na Serra, na Grande Vitória.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima, Leonardo Rafael Gomes, ficou ferida após uma briga de família.

Leonardo teve um corte profundo na coxa direita ferida e a artéria femoral foi atingida.

Ele sangrou muito e morreu após dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Carapina, no mesmo município.

Os cacos de vidro também feriram a perna esquerda dele.

Confusão por causa de música

De acordo com uma vendedora de 53 anos que presenciou a briga, tudo começou porque uma adolescente de 15 anos, que está grávida de três meses é esposa do agressor e cunhada da vítima, não gostou de uma música que estava tocando na casa de Leonardo.

Revoltada, ela começou a agredir as pessoas e chamou o marido, que também agrediu todos que estavam no local.

No meio da confusão, a filha de Leonardo, uma menina de um ano e seis meses, foi atingida com um soco.

“Ela achou que a música era para provocá-la. Ele não merecia isso. Estava só estava defendo a filha. Não sei nem como eu não fui cortada. É uma tragédia”, contou.

A esposa de Leonardo, uma adolescente de 17 anos que é irmã da adolescente de 15 anos que começou a confusão, disse que a irmã surtou por causa da letra da música.

Depois que a filha foi machucada, Leonardo chegou ao bairro e foi tirar satisfação com o cunhado.

“Ele caiu no chão, eu segurei a cabeça dele e ele disse que estava bem e depois ele desmaiou. Eu falei pra ele não ir mas não teve jeito. Tentaram fazer os primeiros socorros mas ele se foi e eu não sei o que vou falar pra minha filha. Eu falo que ele foi viajar porque ela era muito grudada nele. A única coisa que eu quero é justiça porque ele não merecia nisso”, disse.

A adolescente o marido fugiram.

A Polícia Civil disse que investiga o crime e que ninguém foi preso.