Empresário leva garoto de programa pra casa, cai no boa noite cinderela e amarga prejuízos

Empresário leva garoto de programa pra casa, cai no boa noite cinderela e amarga prejuízos

Já se encontra bem alojado no local onde o filho chora e a mãe não ouve o garoto de programa Matheus Rangel Alves, 26 anos, acusado de roubar um cliente depois de aplicar-lhe o golpe conhecido como Boa Noite Cinderela. O crime ocorreu na casa do empresário, no Recreio dos Bandeirantes, na terça-feira, 05.

De acordo com informações da polícia, o empresário não identificado conheceu o criminoso por um aplicativo de paquera em maio e após muita conversa e troca de mensagens ele o convidou para ir ao seu apartamento, imaginando que dessa forma estaria mais seguro, porque no local existem vários itens de segurança.

Ocorre que nada disso foi suficiente para evitar que o empresário fosse mantido dopado por 12 horas, depois de tomar uma “bebida batizada” com o garoto de programa. Durante o tempo em que a vítima estava sob efeitos de soníferos, Matheus vasculhou o apartamento e causou um prejuízo estimado em R$ 70 mil.

A polícia apurou que o garoto de programa fez a maior limpa no local, roubando aparelhos eletrônicos, bolsas e cintos de grife, joias etc. O empresário disse na polícia que tinha buscado o larápio na estação de metrô do Jardim Oceânico, na Barra e o levou para casa, onde tomaram doses de bebidas com energéticos.

“Quando acordei por volta da meia noite com uma dor de cabeça terrível, o indivíduo já não estava mais na casa e notei que o celular, laptop, bolsa avaliada em R$ 14 mil, cinto de R$ 5 mil, cordão de ouro de R$ 6 mil, anel de R$ 10 mil, além de outros itens, como roupas, tinham desaparecido”, contou o empresário.

Es em Foco