Samuel Zuqui: “Alguém tem que tirar essa corja da prefeitura de Piúma”

Em evento de inauguração do escritório do partido Democratas (DEM), realizado nesta semana no Centro de Piúma, o ex-prefeito Samuel Zuqui aumentou o tom das críticas a atual gestão. Empolgado no final de sua fala disse que alguém precisa tirar essa corja da prefeitura.

A fala do ex-prefeito pode ser uma referência as investigações do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado(Gaeco) em Piúma. Existem denuncias de irregularidades em duas situações, no consórcio da saúde e empresa coletora de lixo. A Câmara municipal instalou uma CPI e pode pedir o afastamento do atual prefeito caso haja necessidade.

No evento Samuel contou um pouco de sua trajetória política, explicando como funciona uma gestão pública e não poupou críticas a gestão do prefeito Ricardo em praticamente todos os setores. O Democratas que tem os atuais presidentes da Câmara e do senado federal, no Espírito Santo é liderado pelo casal Theodorico Ferraço que é deputado estadual e Norma Ayub que busca recursos em Brasília para os municípios, como deputada federal.

Em Piúma, a sigla está sendo presidida por Francini Zuqui, esposa de Samuel que confirmou na eleição municipal passada ser uma grande articuladora política, conseguindo eleger três vereadores de seu partido da época. Apesar de ter participado da reunião e ser simpático ao partido, Samuel não está filiado, atualmente está no MDB e recebe convites de grandes siglas.  

Quase duzentas pessoas prestigiaram o evento do Democratas, em Piúma

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *