Secretária de educação, filha da vice-prefeita e irmã de vereador é presa em Piúma por suspeita de fraudes

A secretária de Educação de Piúma, Isabel Fernanda Scherrer Rocha, foi presa nesta terça-feira (13) por falsidade ideológica e associação criminosa. Ela é filha da vice-prefeita da cidade, Marta Sherrer e irmã o vereador Tobias.

De acordo com informações da Secretaria de Estado da Justiça (Sejus), a mulher foi encaminhada ao Centro Prisional de Cachoeiro de Itapemirim, também na região Sul do Espírito Santo, juntamente com Ricarda dos Santos Souza, secretária da empresa, Viva Instituto de pesquisa e cursos educacionais.

O responsável administrativo, Carlos dos Santos Souza, marido da secretária de educação também foi detido por envolvimento no suposto esquema e encaminhando ao Centro de Detenção Provisória de Marataízes.

A prisão foi realizada em flagrante a pedido do Ministério Público, uma pessoa teria solicitado um diploma de um curso de 200hs e estaria recebendo na sede da empresa, após fazer o pagamento de R$ 150,00 na conta de Fernanda. A acusação é que não era preciso frequentar as aulas para adquirir o certificado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.