Supermercados Santo Antônio é vendido para grupo de São Paulo

Os Supermercados Santo Antônio serão vendidos para uma empresa de São Paulo. É o que afirma uma reportagem do Jornal A Gazeta publicada nesta sexta-feira. A rede possui seis lojas em Guarapari e uma em Anchieta e está entre as cinquenta maiores empresas capixabas.

Atuando em há mais de 50 anos na cidade, o Santo Antônio é uma instituição em Guarapari, responsável pelo primeiro emprego de muita gente. A negociação e de como será a transição estão sendo mantidas em segredo e pouco se sabe dos detalhes da transação. A reportagem porém afirma que o grupo paulista controlará as lojas do Santo Antônio, comprando os estoques, contudo os imóveis ainda pertencerão à família Zouain, fundadora da rede de supermercados.

Entre os  fatores que puderam ter contribuído para a venda do Santo Antônio está a crise causada pela paralisação da Samarco, a crise econômica enfrentada pelo país e o crescente número de concorrentes, que nos últimos anos bateu de frente com a hegemonia da rede no setor supermercadista em Guarapari.

No momento não há confirmação de que serão feitas demissões de funcionários e se lojas serão fechadas, mas, ainda de acordo com a reportagem, o sindicato foi procurado pelo grupo paulista e informado de que poderiam ter demissões durante a reestruturação do Santo Antônio.

O grupo que vai assumir a rede de supermercados é o São Paulo DX Group Participações e Investimentos Eireli, especializado em comprar empresas pouco rentáveis, reestruturá-las e vendê-las. Em 2018 o Santo Antônio teve uma receita operacional líquida de mais de R$ 127 milhões, mas o lucro líquido foi negativo, operando com prejuízo de R$ 4,3 milhões. Até ano passado haviam 800 pessoas trabalhando diretamente nas lojas do Santo Antônio, resta saber quantas continuarão depois da venda e reestruturação da rede.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.