Missionária que seguia para casamento morre após vestido ficar preso à corrente de moto

Uma missionária pentecostal morreu no último sábado (23), ao cair da moto em que trafegava com o marido. O casal ia a um casamento na cidade de Palmas (TO) e o vestido da mulher prendeu na corrente da moto.

O acidente aconteceu no começo da noite, por volta das 20h. Suely da Conceição Araujo Gonçalves, de 37 anos, usava um vestido longo, que se prendeu na corrente da moto pilotada pelo marido, o pastor Edimar dos Santos Gonçalves.

Gonçalves contou que ouviu sua esposa gritar “ai meu Deus” quando o vestido prendeu na corrente, mas quando freou para parar, sua esposa já tinha caído, puxada para trás pela tração. Ele correu para socorrê-la e achou que ela havia desmaiado, mas ao tirar o capacete, notou que havia sangue no ouvido.

De acordo com informações do G1, a missionária Suely quebrou o pescoço ao cair da moto. O pastor acionou o socorro para tentar salvá-la, mas nada pode ser feito. Eles seriam padrinhos de casamento de um sobrinho. Não foram repassadas informações sobre o desfecho da cerimônia de casamento.

uely deixou quatro filhos, sendo três meninas e um menino. Seu corpo foi velado no templo da igreja Assembleia de Deus Ciadseta, em Taquaralto, na região sul da capital tocantinense. O sepultamento do corpo foi realizado nesta segunda-feira, 25 de novembro, às 11h00, com a presença de amigos e familiares.

Fonte: noticias.gospelmais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.