Espírito Santo volta a ser castigado pela chuva

O Espírito Santo foi uma das regiões do Brasil que mais tiveram chuva na sexta-feira, 3 de janeiro de 2020. Os volumes de chuva acumulados sobre o estado foram excepcionais. Em apenas 6 horas, várias áreas capixabas receberam mais de 100 mm de chuva. Em um local de Aracruz choveu 83 mm em apenas 1 hora. A região de Serra, na Grande Vitória, foi uma das mais castigadas pela chuva forte. 

A previsão para o fim de semana não é das mais animadoras. A expectativa é de mais chuva para todo o Espírito Santo. A deve ficar atenta, pois o risco de enchentes, alagamentos e deslizamentos de terra aumentou novamente depois da chuva volumosa da sexta-feira.

Embora possam ocorrer até alguns períodos com a presença do sol, o risco de chover forte sobre o Espírito Santo é alto tanto no sábado como no domingo.

Nuvens muito carregadas

A quantidade de nuvens carregadas sobre o Espírito Santo mostradas pelas imagens do satélite GOES 16 impressionaram até os meteorologistas. A sequência mostra a evolução das nuvens sobre este estado entre 17 horas e 19h50 (hora de Brasília) de 3 de janeiro de 2020.  As nuvens com maior potencial para chuva forte e volumosa aparecem em tons de vermelho e em amarelo

Todo o Espírito Santo vem de um período com muita chuva, entre meados de novembro e meados de dezembro de 2019, que deixou graves danos e vítimas fatais no estado. Em Vitória, o INMET registrou quase 550 mm (medição automática) em novembro de 2019, mais do que o dobro da média normal de chuva para este mês que é de aproximadamente 220 mm.   

Chuva de 24h se aproxima da média de janeiro em Vitória

volume médio de chuva normal para o mês de janeiro na região da Grande Vitória varia de aproximadamente 120 mm a 160 mm. Em alguns locais, o volume acumulado em menos de 24 horas entre os dias 2 e 3 de janeiro de 2020 alcançou ou chegou muito próximo da média para o mês

Segundo o INMET – Instituto Nacional de Meteorologia – a média de chuva em janeiro para Vitória é de aproximadamente 139 mm. Na escala anual, janeiro tem a terceira maior média de chuva na região da capital capixaba.

Confira alguns acumulados de chuva muito elevados registrados no Espírito Santo no dia 3/1/2020, pela medição do  CEMADEN – Centro Nacional de Monitoramento e Desastres Naturais.

Volumes em 6 horas: acumulado entre 14h50 e 20h50 de 3/1/2020

Volumes em 24 horas: acumulados entre 20h50 de 2/1/2020 até 20h50 de 3/1/2020

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.