Padre e bispo da Igreja Católica quebram o pau por causa de espaço na casa

Um padre e um bispo da Igreja Católica de Governador Valadares, no Leste de Minas Gerais, transformaram a casa paroquial em ringue de MMA e o pau comeu solto entre os dois, com direito a cadeiradas, puxões de batinas e até xingamentos. E tudo isso por disputa pela permanência na casa onde residem.

A luta gospel aconteceu no sábado, 30, na Paróquia São João XXIII, no Bairro Vila dos Montes, quando o padre de 58 anos e o bispo de 64 anos se desentenderam e partiram para o quebra pau. Seus nomes não foram divulgados pela total ignorância da polícia ao interpretar a Lei de Abuso de Autoridade.

A polícia foi acionada e esteve no local, onde conteve a ferrenha luta entres os religiosos, ocasião em que o padre afirmou que já teve outros problemas com o bispo e que é perseguido por ele. O padre contou que a briga começou porque o bispo disse que ele teria que procurar outro lugar para morar e cair fora de lá.

Disse ainda que a justificativa apresentada pelo bispo era de que a Casa Paroquial não seria suficiente para comportar os dois. Ao se sentir desrespeitado durante a conversa, principalmente por ter sido agredido verbalmente, o padre não deixou por menos e revidou, ocasião em que partiram para a luta corporal.

Entre tapas, murros e pescoções, o padre quebrou uma cadeira no cangote do bispo, que ficou com lesões no pescoço e em um dos braços, sendo socorrido ao hospital pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). Segundo os policiais o padre, que sofre de depressão, estava sob efeito de remédios.