Homem é preso no ES após usar vaso sanitário como esconderijo de drogas

Homem é preso no ES após usar vaso sanitário como esconderijo de drogas

Um homem de 26 anos foi preso após usar o vaso sanitário da própria casa para esconder drogas. A prisão aconteceu nesta terça-feira (22) no bairro Basiléia, em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo.

Durante a operação, os investigadores prenderam outros dois suspeitos de tráfico de drogas em outros bairros da cidade.

Na casa, os policiais encontraram 68 buchas de maconha no vaso sanitário, balanças, celulares, carros e moto.

Operação Sicut

A Polícia Civil do Espírito Santo, por meio da Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Cachoeiro de Itapemirim, realizou, nesta terça-feira (22), a operação policial ‘Sicut’, com o objetivo de reprimir crimes patrimoniais na região do município.

As diligências foram realizadas nos bairros Basiléia, Recanto e Monte Líbano, todos no município de Cachoeiro. Ao todo, três pessoas foram presas.

Segundo a polícia, nos últimos meses, os investigadores da Deic verificaram diversos casos de roubos em Cachoeiro de Itapemirim. Durante o andamento do inquérito, alguns suspeitos foram identificados, e mandados de prisão foram expedidos.

Nesta terça-feira (22), os policiais se deslocaram até os locais indicados para o cumprimento dos mandados. O primeiro suspeito de 26 anos, foi detido no bairro Basiléia. Os policiais encontraram várias buchas de maconha num bairro sanitário.

“Os policiais quebraram a corrente que protegia a residência e iniciaram as buscas. Posteriormente, foi identificado pela equipe que o suspeito havia tentado descartar as unidades de maconha num vaso sanitário. Ao ver que as drogas se encontravam no vaso, os policiais o quebraram para retirar os entorpecentes. Ao todo, 68 buchas de maconha foram tiradas do vaso”, disse o titular da Deic de Cachoeiro de Itapemirim, delegado Rafael Amaral.

No local também foram apreendidas três balanças de precisão, aparelhos celulares, dois automóveis e uma motocicleta.

“Após a ação, os policiais se deslocaram até o bairro Recanto, onde outro suspeito, de 18 anos, foi encontrado. Lá, foi descoberto o suspeito estava guardando algumas munições que pertenciam ao detido do outro bairro. O homem alegou que guardava as munições a pedido do primo do outro suspeito”, contou o delegado.

Na residência, 15 munições de calibre 9mm e um rádio comunicador foram apreendidos pela equipe da Deic.

Já no bairro Monte Líbano, os policiais prenderam um homem, que possuía um mandado de prisão em aberto pelo crime de homicídio. Os materiais apreendidos e os detidos foram levados à 7ª Delegacia Regional para a aplicação dos procedimentos de praxe.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *