Criança de 7 anos grita e salva mãe de estrangulamento no ES

Um menino de 7 anos salvou a vida da mãe, que estava sendo agredida pelo ex-marido, pai da criança, na madrugada deste domingo (17), na Serra.  Foi ele quem pediu socorro e fez com que familiares invadissem o local para ajudar a vítima. O agressor fugiu. 

As agressões aconteceram por volta das 4h40, após o suspeito arrombar a casa da ex-mulher. Segundo a vítima, ela e o filho estavam acordados. Ao ouvir um barulho e ir até a sala, ela se surpreendeu com o ex-marido no local.  Após se negar a sair da casa, ele começou estrangulá-la.

X, 43 anos

“Ele pegou no meu pescoço com as duas mãos e começou a apertar, até que eu ficasse sem fala. Aí eu consegui chutar ele e gritar. Ele tampou minha boca, mas felizmente meu filho ouviu”

O filho do casal, que tem 7 anos, estava no outro cômodo. Ao ver a mãe sendo agredida, ele pediu que o pai parasse de bater nela. Como o pai continuou, ele começou a gritar socorro, pedindo ajuda. Neste momento, a família da mulher, que mora ao lado, escutou os gritos e invadiu o local. 

“Uma das minhas irmãs ouviu os gritos dele e pulou a janela. Foi meu filho quem me socorreu. Se não fosse ele, eu poderia ter morrido. Porque eu fiquei sem força, não conseguia nem pedir ajuda. Ele me estrangulava, dava socos”, disse.

<

Assim que percebeu a presença da família no local, o agressor fugiu.  A Polícia Militar foi acionada, mas não conseguiu localizar o suspeito. A mulher foi encaminhada para o hospital Jayme dos Santos Neves, onde recebeu atendimento. Ela precisou dar pontos no supercílio por causa das agressões.

Fonte: Gazeta Online

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.