O menino que vendia panelas virou presidente do sindicato dos empresários de Guarapari

Nilo Carlos Severgine, o Carlinhos do Grande Rio foi nomeado nessa semana presidente do Sindicig (Sindicato da Indústria da Construção Civil de Guarapari), o grupo mais importante de empresários da Cidade Saúde. A história de sucesso começa com seu pais, Dona Maria (In memorian) e seu Zizinho. Quando Carlinhos ainda era criança seu pais comercializam panelas em feiras e festas, o hoje empresário chegou a tirar uns cochilos na banca.

Dona Maria e seu Zizinho queriam vencer na vida e dar qualidade de vida aos filhos, montaram um armarinho no Rio de Janeiro, mas não deu certo. Em Guarapari decidiram abrir uma lojinha com o nome do lugar de onde estavam vindo: Grande Rio. Com apenas uma porta no bairro Aeroporto, comercializam materiais de costura. A simpatia da família junto com o bom atendimento cativou clientes, nasce o bazar Grande Rio.

Mas o espírito empreender da família junto com muito trabalho e dedicação fez os negócios ampliarem, iniciando assim a venda de móveis e eletrodomésticos. Entendendo sempre a necessidade dos amigos clientes, o Grande Rio não é só o campeão de vendas, mas parece que faz parte da história das famílias de Guarapari. Até pouco tempo atrás ainda vendia na fichinha.

O grupo cresceu, apaixonado por obra, paixão herdada da mãe, Carlinhos entrou na construção civil fundado a Dom Diego construtora. Comprou o JB material de construção e os negócios iam muito bem. Até que veio a pancada mais doída que a família recebeu até hoje: a morte repentina de Dona Maria em um acidente de carro. O luto tomou conta da cidade, todos sensibilizados com a partida de uma senhora boa, amiga e que sempre estava pronta a estender a mão a quem precisava.

Lá do céu, a impressão é que Dona Maria orienta o filho a tomar as decisões corretas, tivemos crises, pandemia e o grupo familiar continua firme, forte e próspero. O menino que vendia panela e chegou com toda sua simplicidade no Sindicig, hoje ocupa o maior cargo com a mesma humildade de sempre. O homem que almoça com os funcionários, chegou a presidência do sindicato de empresários mais importante de Guarapari.

Ah e o menino que vendia panela continua circulando pela loja e não duvide se ele te vender algo, seja um apartamento, uma cobertura, uma agulha ou uma panela. Hoje cada morador de Guarapari que comprou um lápis ou móveis de sua casa se sente feliz pela conquista de uma pessoa que venceu na vida com muito trabalho.