Crime brutal. Mulher tem a cabeça esmagada pelo companheiro com uma pia de banheiro

Crime brutal. Mulher tem a cabeça esmagada pelo companheiro com uma pia de banheiro

Cleiton Rogério Pereira Costa, 46 anos, matou com uma pia de banheiro a mulher dele Patrícia Rufino, 40 anos, depois de uma discussão na tarde de sábado, 17. Ao tentar fugir o assassino foi detido por moradores, que tentaram linchá-lo, mas foram contidos pela chegada da polícia, que o resgatou a tempo.

O crime aconteceu no Distrito Federal e segundo o delegado-chefe da 6ª Delegacia de Polícia de Paranoá, Ricardo Viana, o casal tinha histórico de desentendimentos e agressões, e naquele dia o indivíduo matou a vítima na frente de dois dos quatro filhos do casal, fazendo uso de uma pia de banheiro.

O corpo de Patrícia, que trabalhava como brigadista e socorrista, foi encontrado totalmente desfigurado na cozinha da casa em que morava. Na Delegacia de Polícia Cleiton confessou o crime e disse que tinha perdido o controle ao ver um vídeo. A polícia acredita que o crime tenha sido praticado por motivo de ciúmes.

De passado violento e vasta ficha criminal, Cleiton Rogério esmagou a cabeça da vítima depois de arrancar a pia que utilizou como arma para praticar o crime. Na manhã de segunda-feira, 19, o assassino teve a prisão em flagrante convertida em prisão preventiva durante realização da Audiência de Custódia.

Cleiton e Patrícia viveram juntos por 19 anos e desse relacionamento foram gerados quatro filhos de nove a 19 anos. Em 2017 os dois se separaram porque ela não aguentava mais as agressões que sofria. Mesmo separados ele vivia a ameaçando, até que três dias antes do crime ele voltou a morar na casa dela.

Es em Foco

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.